Esportes

Juventus na Copinha

Na tarde de quarta-feira (4), às 14h, o Juventus faz a sua estreia na Copa São Paulo de Futebol Júnior diante da Portuguesa de Desportos, no estádio Conde Rodolfo Crespi, na rua Javari, na Mooca, com entrada franca.

Os grenás lutam pelo seu segundo título na competição. A primeira conquista dos avinhados aconteceu em 1985. Em outras três ocasiões o Juventus foi às finais, sagrando-se Vice-Campeão da Copinha em 1989, 1990 e 2000.

Na história

Essa será a sexta vez que Juventus e Portuguesa de Desportos se enfrentam na história da Copa São Paulo. Em cinco jogos, foram duas vitórias do time da Mooca e três empates, com sete gols marcados e três gols contra.

Em 1989 os dois times se enfrentaram na semifinal da competição. Após empate em 0 a  0, o Juventus se classificou para a final ao bater a Lusa nos pênaltis por 3 a 1.

O último confronto aconteceu em 2006, em Taubaté, quando o Moleque Travesso venceu o rival por 3 a 1, em jogo válido pela segunda fase da competição.

Baixe aqui o Press Kit com toda a história do C.A.Juventus na Copa São Paulo:

Press Kit – Juventus – Copa São Paulo Futebol Júnior

juve

Anúncios
Padrão
Esportes

75 Anos da Rua Javari

No próximo dia 13 de julho, o estádio Conde Rodolfo Crespi, casa do Clube Atlético Juventus, completa 75 anos de sua inauguração oficial.

Na obra “Glórias de um Moleque Travesso”, de minha autoria, Angelo Eduardo Agarelli e Vicente Romano Netto, esse momento histórico da vida juventina foi retrato da seguinte forma:

“Com o progresso do futebol cada vez maior, os clubes e a entidade promotora do futebol em São Paulo começaram a atentar pela necessidade de melhores instalações e praças esportivas.

A diretoria do C.A. Juventus não ficou para trás e tratou de trabalhar neste sentido. A grande benfeitoria prevista para o estádio da Rua Javari com a construção de novas arquibancadas e vestiários iniciada em 1937 teve a sua conclusão 4 anos mais tarde.

No dia 13/07/1941 o C.A. Juventus promoveu a cerimônia inaugural do seu novo estádio. Manoel Vieira de Souza, Vice-Presidente do clube, fez um inflamado discurso para os presentes. Inúmeras personalidades da vida política, social e esportiva da cidade estiveram presentes.

Como parte das festividades o Moleque Travesso convidou o Ypiranga, o SPR (atual Nacional-SP) e o Corinthians para um festival esportivo de inauguração do Estádio. Como partida preliminar, em disputa da Taça Juventus, jogaram Ypiranga x SPR. Os ipiranguistas venceram por 1 a 0, gol marcado por Miguelzinho que entrou para a história da Rua Javari como o autor do primeiro gol do novo estádio.

Na partida principal enfrentaram-se Juventus e Corinthians. O placar do jogo terminou em 3 x 1 em favor dos alvi-negros. Ferrari de penâlti fez o primeiro gol juventino em sua nova casa. Os gols corintianos foram marcados por: Carlinhos, Servilio e Teleco.

A equipe do bairro da Mooca foi a seguinte: Roberto (G), Guimarães, Sordi (Ditão), Paulo, Sábia, Nico II (Laurindo), Oswaldinho, Ferrari, Jair (Renato), Walter, Robertinho. Técnico: Raul da Rocha Soares

O Corinthians jogou com: Rato (G), Agostinho, Chico Preto, Jango, Pelliciari, Dino, Tite, Servílio, Teleco, Joane, Carlinhos.

Baseado na volumosa arrecadação estimou-se que estiveram presente ao novo Campo do Juventus cerca de 15.000 espectadores. Um recorde absoluto!

De acordo com o que estabelecia o planejamento inicial, o novo estádio deveria ser batizado com um nome escolhido pelo Presidente Honorário ou Efetivo do clube. Inicialmente, foi decidido que o nome seria ESTÁDIO CONDE ADRIANO CRESPI. Tal designação perdurou por curto e breve período, sendo este alterado meses depois por determinação do próprio Conde Adriano Crespi para ESTÁDIO CONDE RODOLFO CRESPI, o qual permanece até os dias de hoje.”

Números do Juventus em toda a história na Rua Javari:

Jogos: 1136
Vitórias: 570
Empates: 281
Derrotas: 285
Gols Pró: 1935
Gols Contra: 1371

*** Atualizado até 30/3/2016 Juventus 1×0 União Barbarense                 
*** Não constam nessas estatísticas as partidas amistosas     

inauguração da rua javari 1941

CAPA DO JORNAL A GAZETA ESPORTIVA EM 14 DE JULHO DE 1941

juve

Padrão
Esportes

Juventinos nos grandes

O Clube Atlético Juventus sempre se caracterizou por ter times de futebol formados em suas fileiras com jovens talentos provenientes das categorias de base e jogadores veteranos. Essa mescla proporcionou que diversos atletas consagrados e com passagens importantes nos chamados clubes grandes da capital paulista viessem a vestir a gloriosa camisa grená, em algum momento da história.

No atual elenco, essa tradição grená está representada através o meia Adiel (ex-Santos) e do atacante Gil (ex-Corinthians). Jogadores experientes, com qualidade técnica, e que são referências para a equipe e torcida.

Ambos foram fundamentais na campanha do acesso à Série A-2 do Paulistão no ano passado e permanecem na Mooca nessa temporada.

Adiel estreou no Juventus em 4 de fevereiro de 2015. Fez 25 jogos e marcou 4 gols. Gil vestiu a camisa grená pela primeira vez em 8 de fevereiro de 2015, disputando 21 partidas e anotando 8 gols.

Confira 10 grandes atletas juventinos ao longo da história que também vestiram a camisa de Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos:

SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS

Oberdan Cattani
Nome Completo: Oberdan Cattani
Posição: Goleiro
Jogos: 23

Julinho Botelho
Nome Completo: Julio Botelho
Posição: Atacante
Jogos: 21
Gols: 2

Rodrigues Tatu
Nome Completo: Francisco Rodrigues
Posição: Atacante
Jogos: 44
Gols: 15

Buzzone
Nome Completo: Wilson Buzzone
Posição: Atacante
Jogos: 78
Gols: 41

Marcelo
Nome Completo: Marcelo Moreira
Posição: Goleiro
Jogos: 74

Sérgio Soares
Nome Completo: Sérgio Soares
Posição: Meio-Campo
Jogos: 186
Gols: 12

Fernando Diniz
Nome Completo: Fernando Diniz Silva
Posição: Meia
Jogos: 80
Gols: 6

Betinho
Nome Completo: Gilberto Carlos Nascimento
Posição: Meia
Jogos: 112
Gols: 28

Milton Buzetto
Nome Completo: Milton Buzetto
Posição: Zagueiro
Jogos: 166
Gols: nenhum

Oswaldinho
Nome Completo: Oswaldo Buzzoni
Posição: Atacante
Jogos: 113
Gols: 41

SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA

Baltazar
Nome Completo: Oswaldo Silva
Posição: Atacante
Jogos: 1
Gols: nenhum

Teleco
Nome Completo: Uriel Fernandes
Posição: Atacante
Jogos: 7
Gols: 4

Luizinho Pequeno Polegar
Nome Completo: Luiz Trochillo
Posição: Meia-Atacante
Jogos: 61
Gols: 9

Carbone
Nome Completo: Rodolpho Carbone
Posição: Atacante
Jogos: 82
Gols: 32

Viola
Nome Completo: Paulo Sérgio Rosa
Posição: Atacante
Jogos: 4
Gols: 1

Milani
Nome Completo: Mário Milani
Posição: Atacante
Jogos: 38
Gols: 13

Geraldão
Nome Completo: Geraldo da Silva
Posição: Atacante
Jogos: 75
Gols: 20

Clovis Nori
Nome Completo: Clovis Nori
Posição: Volante
Jogos: 276
Gols: nenhum

Vampeta
Nome Completo: Marcos André Batista Santos
Posição: Meio-Campo
Jogos: 13 jogos
Gols: nenhum

Ataliba
Nome Completo: Edson Ataliba Candido
Posição: Atacante
Jogos: 164
Gols: 62

SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE

Zeola
Nome Completo: Agostinho Zeola
Posição: Atacante
Jogos: 155
Gols: 55

Hércules
Nome Completo: Hércules Miranda
Posição: Atacante
Jogos: 14
Gols: 8

Lanzoninho
Nome Completo: João Lanzone Neto
Posição: Atacante
Jogos: 29
Gols: 11

Vizolli
Nome Completo: Marcos Cesar Vizolli
Posição: Volante
Jogos: 9
Gols: nenhum

Vitor
Nome Completo: Vitor Ratautas
Posição: Zagueiro
Jogos: 67
Gols: 4

Vitor
Nome Completo: Claudemir Vitor
Posição: Lateral
Jogos: 8
Gols: nenhum

Diogenes
Nome Completo: Diógenes José da Silva
Posição: Lateral
Jogos: 149
Gols: nenhum

Osmar
Nome Completo: Osmar Rodrigues
Posição: Lateral
Jogos:  42
Gols: 1

Barbirotto
Nome Completo: Antonio Barbirotto Junior
Posição: Goleiro
Jogos: 149

Adriano
Nome Completo: Adriano Gerlin da Silva
Posição: Meia
Jogos: 15
Gols: nenhum

SANTOS FUTEBOL CLUBE

Negri
Nome Completo: Juan José Negri
Posição: Meia
Jogos: 14
Gols: 5

Nildo
Nome Completo: Ivanildo Alves de Souza
Posição: Zagueiro
Jogos:  110
Gols: 6

Marcio Griggio
Nome Completo: Marcio Griggio
Posição: Meia
Jogos: 119
Gols: 22

Lima
Nome Completo: Antônio Lima dos Santos
Posição: Meio-Campo
Jogos: 69
Gols: 3

Deodoro
Nome Completo: Deodoro José de Almeida Leite
Posição: Lateral
Jogos: 356
Gols: 15

Wellington Paulista
Nome Completo: Wellington Pereira do Nascimento
Posição: Atacante
Jogos: 32
Gols: 11

Nelsinho Baptista
Nome Completo: Nelson Baptista Júnior
Posição: Lateral
Jogos: 151
Gols: 1

Brecha
Nome Completo: Moacir Bernardes Brida
Posição: Meia
Jogos: 88
Gols: 18

Anderson Lima
Nome Completo: Anderson Lima Veiga
Posição: Lateral
Jogos: 123
Gols: 7

Menotti
Nome Completo: César Luis Menotti
Posição: Atacante
Jogos:  8
Gols: 2

*** Numeros de jogos e gols apenas das partidas efetuadas pelo Juventus em Campeonatos Paulistas da Seria A-1, A-2 e A-3.

*** Vitor, lateral-direito, é a única exceção, pois não disputou o Campeonato Paulista pelo Juventus. Seus números de jogos correspondem a participação na Copa Paulista de Futebol.

baltazar

Baltazar um dos maiores artilheiros do Corinthians

julinho

 Julinho Botelho foi ídolo no Palmeiras formado no Juventus

vitor

Vitor foi campeão da Libertadores no Tricolor

menotti

Menotti foi campeão paulista no Peixe

juve

Padrão
Esportes

Resgatando a Tradição

O Clube Atlético Juventus está de volta à Série A-2 do Campeonato Paulista!

A Mooca está em festa! Domingo (17), diante do Grêmio Osasco, na Rua Javari completamente lotada, o Moleque Travesso ratificou o seu acesso, com uma goleada por 4 a 1 sobre o seu rival. Daniel Costa (3) e Leonardo marcaram os gols do time grená!

Pela grandeza juventina, ainda é pouco a vaga na Série A-2 em 2016. Mas já é um grande passo rumo ao topo. Longe da elite estadual há sete anos, o Moleque Travesso tem tudo para continuar a sua trajetória de ascensão para, então, de fato fazer jus a sua tradição entre os principais clubes da capital paulista, que é o seu lugar de fato!

Parabéns à todos que contribuíram para esse acesso! FORZA JUVE! VIVA A MOOCA!

Tuco, Guizão, os Agarelli, Betão, Miguel, Luiz Fernando, os cornetas da curvinha e todos os amigos. Valeu por estarmos juntos em mais essa campanha grená! In memorian ao eterno e querido amigo – eterno presidente da Ju-Jovem – Sergio Mangiullo! Sempre conosco!

Muito mais sobre o acesso confira nesses excelentes blogs juventinos:

http://juventusmooca.blogspot.com.br/

http://oblogdojuva.blogspot.com.br/

Apoio da arquibancada

Nos 12 jogos disputados em casa no Campeonato Paulista da Série A-3, 21.752 torcedores acompanharam as partidas do Juventus. Uma média de 1.813 torcedores por jogo. Essa marca é uma das maiores nos últimos anos e cresce a cada temporada.

O maior público registrado foi no dia 17 de maio, na goleada diante do Grêmio Osasco por 4 a 1, com 4.000 pagantes. O menor foi no dia 25 de fevereiro na vitória contra a Itapirense por 1 a 0, com 462 pagantes.

Se comparada com a média de público da Associação Portuguesa de Desportos, tradicional equipe da capital paulista que disputou à Série A-1 do Paulistão em 2015, em seus jogos como mandante, o time grená leva ampla vantagem.

A Lusa, em 6 jogos disputados como mandante na elite estadual, levou um total de 1.991 torcedores, tendo uma média de 331 torcedores por jogo. Seu maior público foi no dia 4 de abril, Portuguesa 0x2 Red Bull. A Lusa também foi o mandante da partida contra o Santos, mas não consideramos esse jogo para efeito de comparação.

As duas equipes estarão frente a frente no Paulistão da Série A-2 em 2016.

Heróis do acesso

Todos os atletas juventinos, comandados pelo técnico Rodrigo Santana, que atuaram ao menos uma partida nessa campanha do acesso à Série A-2, a nossa singela homenagem de gratidão e reconhecimento. Muito Obrigado!

Jogador

Posição

André Dias (G) Goleiro
Rafael (G) Goleiro
Orinho Lateral-Esquerdo
Lucas Pavone Lateral-Esquerdo
Rafael Ferro Lateral-Direito
Charlinho Lateral-Direito
Rodolfo Zagueiro
Leonardo Zagueiro
Rodolfo Testoni Zagueiro
Victor Salinas Zagueiro
Diego Borges Zagueiro
Cássio Volante
Felipe Nunes Volante
Ataide Volante
Cássio Goes Volante
Derli Meia
Rafael Branco Meia
Adiel Meia
Ricardinho Meia
Wellington Meia
Abraão Atacante
Raikard Atacante
Daniel Costa Atacante
Nathan Atacante
Gil Atacante
Bruno Agnello Atacante
Kennedy Atacante
Renatinho Atacante
Bruno Santiago Atacante
Diogo Atacante

 

Artilheiro: Daniel Costa – 13 gols marcados (Vice-Artilheiro da Competição)
Quem mais atuou: Daniel Costa – 24 jogos

juve

Campanha do Acesso

Jogos Vitória Empate Derrota Gols Pró Gols Contra
25 15 5 5 52 22
Padrão
Esportes

Juvenal: o maior clássico paulista entre os menores

Clube Atlético Juventus e Nacional Atlético Clube se enfrentam pelo Campeonato Paulista da Série A-3, na tarde da próxima quarta-feira (8), às 15h, no estádio Comendador Souza, na Barra Funda.

Tradicionalmente batizado como Juvenal, o confronto reúne duas das mais tradicionais equipes do futebol paulista. Ambos são sócios-fundadores da atual Federação Paulista de Futebol, desde 1941, gozam de prestígio, simpatia e lutam bravamente para se reerguerem no cenário estadual.

Campeão da Segunda Divisão Paulista (equivalente a quarta divisão) no ano passado, o Nacional volta a disputar a Série A-3 após seis anos. Com uma equipe jovem, o Naça cumpre uma campanha regular e se mantém no meio da tabela.

O Moleque Travesso, por sua vez, nos últimos tempos segue uma sina de subidas e descidas entre a Série A-2 e A-3. O esquadrão da Mooca lidera a tabela de classificação nessa temporada e tem boas perspectivas de conquistar o acesso.

Grandes nomes da história do futebol brasileiro já vestiram as camisas das duas equipes. No Nacional: Roberto Dias, Servílio, Lima, Dodô, Deco, Cafu, Rubens Minelli, entre outros. No Juventus: Oberdan Cattani, Julinho Botelho, Luizinho Pequeno Polegar, Baltazar, Pinga, Brecha, Thiago Motta, Alex, Luisão, são alguns valores que desfilaram seu talento envergando as cores grenás.

Entre os clubes profissionais com o menor número de torcedores na capital paulista, o Juvenal é o maior e mais esperado confronto. Pode-se até dizer que esse é o “Derby dos Pequenos”.

Em tempos de grandes Arenas e de futebol à europeia, o Juvenal tem como palco os acanhados e românticos Nicolau Alayon e Conde Rodolfo Crespi. Enquanto os  clássicos entre Palmeiras x Corinthians, Palmeiras x São Paulo e São Paulo x Corinthians aglutinam todo o olhar da imprensa e mobilizam grandes massas, o “Derby dos Pequenos” se limita há algumas notinhas de rodapé da grande mídia, com matérias caricatas e pitorescas, sem dar nenhuma ênfase ao espetáculo em si, sendo quase que totalmente desprezado seus dados e registros.

Nos últimos dez jogos entre Juventus e Nacional, a média de público foi de 365 torcedores. O maior número de aficcionados registrados nesse período foi de 779 pagantes numa partida realizada em 2005.

Nathan, do Juventus, e Jorge Mauá, do Nacional, ambos com seis gols marcados nesse ano, são os vice-artilheiros do atual campeonato e os goleadores de suas respectivas equipes. Dentre todos os jogadores que estarão em campo, o veterano atacante Gil (ex-Corinthians), que veste a camisa grená, é a grande atração do clássico e o atleta com a maior folha corrida de serviços prestados ao futebol.

Juvenal em números:

Total de Jogos: 68
Vitórias Juventus: 35
Empates: 17
Vitórias Nacional: 16
Gols marcados pelo Juventus: 139
Gols marcados pelo Nacional: 109
Primeiro Juvenal: Juventus 3×1 Nacional – Campeonato Paulista – 27/9/1936
Maior goleada a favor do Juventus: Juventus 5×0 Nacional – Campeonato Paulista – 5/8/1956
Maior goleada a favor do Nacional: Nacional 5×1 Juventus – Amistoso – 25/1/1961

****Nota:  Não inclui nas estatísticas jogos-treinos e também as partidas que o C.A.Fiorentino realizou contra o SPR nos anos 30. Em 1988 há um amistoso que não está computado nas estatísticas, pois não há registro do placar. Todos os números se referem a partidas oficiais entre as equipes.

Curiosidades:

– Por três vezes o Juvenal foi disputado no estádio municipal do Pacaembu, com uma vitória para cada lado e um empate;

– Em 2008, o Juvenal registrou o maior número de gols da história do confronto. Foram noves gols marcados e o placar final registrou Juventus 5×4 Nacional. Justamente esse jogo foi a última partida entre as equipes no estádio Comendador Souza

– Essa será a primeira vez que as equipes se enfrenta pelo Campeonato Paulista da Série A-3.

– Até hoje foram disputados 25 jogos entre as equipes no estádio Comendador Souza. Foram 12 vitórias juventinas, 5 vitórias nacionalistas e 8 empates.

– O Juventus não perde há cinco jogos no estádio Comendador Souza.  A última derrota aconteceu em 2001, quando foi derrotado pelo placar de 1 a 0.

– Uma única vez o Juvenal foi disputado no antigo e extinto estádio da Rua Nami Jafet, pertencente ao Clube Atlético Ypiranga, no bairro do Ipiranga. A partida válida pelo Campeonato Paulista de 1940 terminou com a vitória nacionalista pelo placar de 3 a 1.

– Os dois times nasceram com nomes diferentes. O Juventus chamava-se Cotoníficio Rodolfo Crespi F.C. e o Nacional era denominado São Paulo Railway A.C.

    juveimages

**** Todos os dados contidos nessa postagem, se utilizados por outros veículos, devem registrar o crédito ao autor desse blog: Fernando Razzo Galuppo, jornalista e historiador

Padrão
Esportes

Juventus empata em casa

Na tarde de quarta-feira (26), o Juventus ficou no empate em 1 a 1 com a Francana, em partida válida pelo Campeonato Paulista da Série A-3, no estádio da Rua Javari.

Após um primeiro sem muita emoção e com pouca criatividade, o Moleque Travesso começou a segunda etapa com muita disposição. Ferreira fez mudanças no meio-campo e o time cresceu de produção. Em contra-ataque pelo lado esquerdo, Nathan cruzou na medida para o atacante Renatinho antecipar o zagueiro francano e desviar para o fundo das redes.

Como tem sido uma praxe em partidas na Rua Javari, o gol fez mal ao time da Mooca, que recuou demais e foi castigado nos minutos finais da partida com o gol de empate.

Com o resultado, o Moleque Travesso se mantém com nove pontos ganhos e ocupa provisoriamente a 11º colocação. O público pagante registrou 472 torcedores.

A equipe grená atuou com: Rafael (G), Maurício, Maurício Carvalho, Cícero, Marcelo Santos, Lucas Pavone, Romarinho, Lucas Louzã (Nathan), Eduardo, Moisés (Rafael Branco), Renatinho (Leonardo). Técnico: Luiz Carlos Ferreira.

O Juventus volta a atuar na manhã de sábado de carnaval (1), às 10h, diante do Flamengo de Guarulhos, no estádio do adversário. A partida terá transmissão ao vivo pela Rede Vida de Televisão.

PALMEIRAS JOGA EM CASA PELO NBB

Na noite de quinta-feira (27), às 20h, o time de basquete adulto do Palmeiras recebe o Brasília, no ginásio do Palestra Itália, em partida válida pelo segundo turno do Novo Basquete Brasil, com entrada franca.

A dúvida na equipe palmeirense fica por conta do pivô Átila dos Santos. Com dores nas costas, o atleta foi poupado na vitória contra o Goiânia, na terça-feira.

Com 11 vitórias e 14 derrotas, o Palmeiras ocupa a 12º colocação, restando sete rodadas para o fim da primeira fase. A próvavel formação deve ser:  Maxi Stanic, Neto, Tiagão, Tyrone, Fabrício, Guto, Rodrigo, Marcão, Wiggins, Murilo, Igor, Cadu. Técnico: Betão.

Padrão
Esportes

Verdão perde invencibilidade

Com um jogo prevísivel, desfalquesv e erros individuais o Palmeiras perdeu a sua invencibilidade ao ser derrotado pelo placar de 3 a 1, pelo Botafogo de Ribeirão Preto, em partida válida pelo Campeonato Paulista, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, na noite de domingo (23).

A última derrota do alviverde para uma equipe do interior paulista, fora de casa, aconteceu em 21 de abril de 2013, quando o Verdão perdeu por 2 a 1, para o Ituano no estádio Novelli Jr., em Itú, pelo Campeonato Paulista

Mesmo com a derrota, o Palmeiras continua líder do seu Grupo, com 23 pontos ganhos, e muito próximo da classificação à próxima fase.

O próximo jogo do Verdão será na quinta-feira (27), às 19h30, contra o São Bernardo, no estádio do Pacaembu.

JUVENTUS GOLEIA NA SÉRIE A-3

O Moleque Travesso foi até a cidade de Bauru na tarde de domingo (23) e não tomou conhecimento do Noroeste local, ao vencê-lo pelo placar de 3 a 0, em partida válida pelo Campeonato Paulista da Série A-3, no estádio Alfredo Castilho.

Os gols juventinos foram marcados por: Renatinho, Eduardo, Rafael Branco. Com a vitória, o Juventus ocupa a 13º colocação com oito pontos ganhos.

A partida marcou a estreia de seis novos jogadores com a camisa do time da Mooca. Foram eles:  Rafael (goleiro), Marcelo Santos (lateral), Lucas Louzã (volante), Eduardo (atacante), Moisés (meia) e Osny (atacante).

O técnico Luiz Carlos Ferreira levou a campo a seguinte formação: Rafael (G), Mauricio, Maurício Carvalho, Cícero, Marcelo Santos, Lucas Louzã, Derli, Lucas Pavone, Eduardo (Osny), Moisés (Rafael Branco), Renatinho (Fernandinho).

A próxima partida do Juventus será diante da Francana, na Rua Javari, quarta-feira (26), às 15h.

BASQUETE DO VERDÃO FAZ JOGO BENEFICENTE

O basquete do Palmeiras joga pelo NBB 6 na próxima terça-feira (25), contra o Universo/Goiânia, às 20h, no ginásio do Palestra Italia, e aproveitará a partida para realizar uma ação beneficente, com a venda de ingressos para o jogo em prol do torcedor Lucas Neres, que mora em Brasília-DF, e sofre de insuficiência respiratória – provocada por uma doença chamada bronquiolite obliterante.

Vamos apoiar essa boa causa e comparecer no ginásio!

AÇÃO BENEFICENTE – VENDA DE INGRESSOS PARA O JOGO PALMEIRAS/MELTEX X UNIVERSO/GOIÂNIA DIA: 25/02/2014, terça-feira HORÁRIO: 20h00 LOCAL: Ginásio Palestra Italia

ONDE COMPRAR OS INGRESSOS

BILHETERIAS DO PALESTRA ITALIA (AV. FRANCISCO MATARAZZO) – A partir de sábado (22), das 10h às 17h; LOJA ACADEMIA STORE (RUA AUGUSTA, Nº 2.078 – JARDIM PAULISTA) – Sábado (22), segunda (24) e terça-feira (25), das 9h às 20h; domingo (23), das 10h às 18. VALOR: R$10

RÁDIO GAZETA AM – CENTENÁRIO  PALMEIRAS

Dando continuidade à série de reportagens sobre o centenário do Palmeiras, o quarto capítulo do especial aborda a história do Verdão, nessa terça-feira (25), a partir das 12h20, no programa Disparada no Esporte.

Confira através do 890 AM, ou através do site http://www.gazetaam.com/

Padrão