Esportes

Entre o céu e o inferno

“Uma torcida preocupa-se com a má conduta de uma jovem estrela”… Assim escreve um jornalista, a respeito da expulsão do atacante Gabriel Jesus, na última quarta-feira diante do Rosário Central da Argentina, pela Copa Libertadores da América.

Se essa fosse a única preocupação da TORCIDA palestrina, nossos problemas estavam resolvidos. Pelo contrário, antes do Jesus, nos preocupamos com os preços dos ingressos, com a qualificação do nosso elenco, com os possíveis reforços, com as vagas às próximas fases do Paulista e da Libertadores, como entraremos no Brasileirão, quem fica e que sai, enfim.

Nesse contexto, Jesus sempre foi visto como solução. Nunca como engodo e preocupação, como alguns setores da mídia querem nos induzir. A memória curta desses setores do jornalismo esportivo talvez esqueçam que foi a TORCIDA quem escalou Gabriel Jesus em 2015 nos tempos de Oswaldo Oliveira. O técnico até caiu por causa disso. Todo jogo, cantavamos em uníssono para que Jesus participasse das partidas. Sua entrada em campo era ovacionada pela TORCIDA!

Eu, como parte integrante da TORCIDA palestrina, que convivo intensamente em diversos setores alviverdes, NUNCA ouvi essa discussão na arquibancada, nos butecos, nas alamedas, entre os cornetas, entre os cardeais, entre os amendoins, ou em qualquer canto onde se respira a vida palestrina. NUNCA!

Talvez a “preocupação”  transferida à TORCIDA, seja do próprio jornalista ou de seu veículo. O colega  tenta associar a imagem de Jesus a “jogador problema”. Assim como outros já fizeram recentemente com Dudu, lembram?

Em mais de 50 jogos como profissional, Jesus teve apenas a expulsão do meio de semana! Uma única expulsão como atleta profissional! Justamente num jogo em alta tensão. Numa das maiores rivalidades do futebol mundial. Argentinos e Brasileiros. Valendo a vida na competição. No campo do adversário. Com uma pressão incalculável para quem analisa os fatos de uma redação refrigerada. Até mesmo jogadores tarimbados se descontrolaram num cenário como esse por diversas vezes, o que dirá de um jogador de 19 anos?

O histórico de Jesus na seleção brasileira e categoria de base do Verdão são irrepreensíveis. Sua maior crítica é a sua mãe, a qual ele cita, honra e reverencia em cada discurso. Em cada gesto. Um menino do bem. Um menino de ouro. Longe de ser problema. Uma grata revelação num pobre futebol brasileiro.

O jornalista cita num trecho: “Ao englobar o torneio que projetou o camisa 12, Gabriel Jesus chega a 0,21 cartões por partidas.”.

Por que não lembrar que a média dele de gols por partida é de 0,27? Não é um fator mais relevante e interessante para audiência? E também superior ao número de cartões e mais significativo?

A TORCIDA do Palmeiras não está preocupada com os cartões amarelos ou vermelhos do Gabriel Jesus. Queremos os seus gols, os seus dribles, a sua ginga, a sua garra, a sua imprevisibilidade e sua fibra. E que isso se reverta em conquistas e vitórias.

Já tivemos gênios mais irrassíveis em nossa história que são ídolos eternos em nossa galeria dos imortais e no coração da torcida: Liminha, Jair da Rosa Pinto, Cesar Maluco, Edmundo, Djalminha.

A TORCIDA palmeirense simpatiza com os “bad boys” do futebol. Eles são viscerais como nós torcedores. Eles nos representam. Vemos um pouco da nossa paixão nesses personagens. Amamos os “indisciplinados” de nossa história.

O fato por trás da matéria sobre “a preocupação da torcida” parece ser outro. Talvez alguns colegas ainda não engoliram as verdades que Jesus falou sobre a mídia após a partida contra o Rio Claro. Toda a retaliação – sútil, descarada ou velada – será pouca contra o garoto. Mesmo em um jogo em que ele faz dois gols, manda uma bola na trave e é o melhor atleta palmeirense em campo, mesmo sendo expulso.

Imagina o dia em que ele passar em branco o que dirão? Qual será a maledicência contra o garoto?

A TORCIDA DO PALMEIRAS eu tenho plena consciência de como agirá. Enquanto ele vestir e honrar nosso escudo, entoaremos em alto e bom som o grito a plenos pulmões:  Glória, glória, aleluia, é Gabriel Jesus!

jesus

FORZA VERDÃO!!!

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s